Mãe de primeira viagem posta 'análise' de sua linda filha com Síndrome de Down

Uma mãe de primeira viagem de Salt Lake City, Utah, usou humor e doçura para espalhar consciência sobre a Síndrome de Down para seus amigos e familiares, e a mensagem rapidamente se tornou viral.

Jessica Egan e seu marido haviam lutado contra a infertilidade durante anos antes de finalmente receberem a feliz notícia que eles estavam esperando ouvir por tanto tempo. No entanto, a alegria durou pouco. Quando Jessica estava grávida de apenas 11 semanas, o casal descobriu através de um exame de sangue que o bebê tinha Trissomia 21, mais comumente conhecida como Síndrome de Down.

Jessica disse que se sentiu completamente devastada quando soube do diagnóstico. Ela esperou tanto tempo para que este sonho se tornasse realidade e agora estava preocupada que o bebê nunca seria aceito ou celebrado como deveria. Jessica disse que passou três dias chorando em casa antes de conseguir contar a notícia a mais alguém.

apost.com

O casal se propôs a estudar para que estivessem preparados para o nascimento de sua filhinha. Eles aprenderam que a Síndrome de Down é o resultado de uma divisão celular anormal no útero e que aproximadamente 5.300 bebês nascem com essa doença nos EUA todos os anos.

Depois de aprenderem mais sobre a Síndrome de Down, eles se sentiram mais confortáveis com o diagnóstico. A bebê Gwendolyn nasceu sendo recebida com muito amor de dois pais que estavam empenhados em lhe dar o melhor da vida.

Quando Gwendolyn tinha apenas dois meses de idade, Jessica foi ao Facebook para publicar uma análise de brincadeira sobre a sua experiência até agora. O post foi ao mesmo tempo tocante e divertido, deixando claro o quanto ela adora sua filha e encorajando outros pais a fazer um pedido de cromossomos extras.

Embora o post tenha sido inicialmente destinado aos seus amigos e familiares, ele rapidamente se tornou viral e já foi compartilhado mais de 74.000 vezes. Jessica disse que quer que as pessoas encontrem conforto nas suas palavras e que também sejam mais abertas a pessoas com anomalias cromossômicas.

Seu coração vai derreter quando você olhar essas doces fotos de Gwendolyn. Não deixe de espalhar essa história para todos que você conhece, fazendo assim com que essa importante mensagem seja ouvida em voz alta e clara.